17/fev/2017

‘Internet – O filme’ mostra Youtubers rindo de si mesmos

internet-o-filme

Na última segunda-feira (13) aconteceu em São Paulo a pré-estreia do longa ‘Internet – O Filme’, dirigido por Fillipo Capuzzi Lapietra. Estive lá e vou falar um pouco sobre o evento e algumas impressões do filme. Bora lá! (sem spoilers)

O evento: adolescentes, selfies e decepção

Quem me segue no Twitter deve ter visto que, há alguns dias, postei que tinha visto o trailer do filme e achado uma droga, mas por uma dessas ironias da vida, acabei ganhando um ingresso para a pré-estreia e é aquele ditado: cinema, refri e pipoca de graça a gente nunca recusa.

Chegando lá, logo me deparei com um monte de adolescentes correndo pra lá e pra cá procurando seu Youtuber favorito. Um momento engraçado foi quando meu amigo e eu estávamos na entrada do cinema esperando outros amigos e chegou a Larissa Manoela (mais conhecida como Maria Joaquina, do Carrossel). Ela parou bem do nosso lado, e logo vieram vários adolescentes histéricos com seus smartphones tentando tirar uma selfie. Ficamos bem no meio da muvuca sem querer — foi um pouco desesperador, confesso.

A decepção? O PC Siqueira não foi 🙁 (PC, te amo <3).

O filme: boa surpresa

A trama se passa em um hotel, em São Paulo, onde acontece um evento de celebridades do Youtube. O filme traz 8 esquetes: temos o Youtuber metido que faz tudo em busca de likes, o cachorro que está depressivo e não consegue mais gravar vídeos, um casal que se forma dentro do evento e, de repente, alcança a fama, a menina que odeia Youtubers, entre outras histórias. O elenco também conta com a participação de alguns atores, como Mauricio Meirelles, Paulinho Serra e Polly Marinho.

Talvez por ter ido com a expectativa abaixo de 0, o filme me surpreendeu de forma positiva. Os Youtubers, obviamente, não sabem atuar, e quem vai assistir já está ciente que não terá nenhuma interpretação à la Fernanda Montenegro. Apesar de ser uma comédia, é possível perceber alguns momentos de crítica. A personagem Fabi (Gabi Lopes) questiona várias vezes o porquê do sucesso dos Youtubers, e o seu desfecho acaba trazendo uma reflexão sobre como esse universo das celebridades da internet pode ser cruel com quem se arrisca nele.

Mas na maior parte do filme, os personagens zoam com esse mundo de likes e a busca pela fama. Mesmo quem não conhece os Youtubers do filme (o que foi o meu caso), consegue rir e se identificar com algumas situações. Meu destaque vai para a história do Cesinha Bastos (Rafinha Bastos) e seu fã obcecado (Paulinho Serra). Ri em todas as cenas dos dois. Inclusive, um dos roteiristas do filme é o Rafinha Bastos.

as-gravacoes-de-internet---o-filme-ja-comecaram-na-foto-os-comediantes-paulinho-serra-e-rafinha-bastos-contracenam-em-uma-locacao-proxima-a-av-paulista-1474304161218_1920x1279

Rafinha Bastos e Paulinho Serra

É um filme que não deve ser levado a sério, acredito que a proposta dos Youtubers foi rir de si mesmos e mostrar um pouco dos bastidores dessa vida de web celebridade. É uma obra voltada exclusivamente para um público específico, que é grande e consome muito.

O Brasil é o segundo país que mais acessa o Youtube. Curiosamente, também estamos entre os 7 países que mais assistem TV no mundo.  O brasileiro gosta muito de consumir conteúdo audiovisual, e a força dos Youtubers só confirma isso.

O filme estreia dia 23 de fevereiro em todo o país. Confiram o trailer (que é bem ruim mesmo, esse narrador estragou):

E vocês, tem algum Youtuber favorito? Pretendem assistir? Compartilhe nos comentários!

                
 

1 Comentário

  1. FABIOTV disse:

    Olá, tudo bem? Eu estou na minha Maratona Oscar e não conseguirei assistir todos os concorrentes antes do domingo. E também acompanharei mais o Carnaval do Rio de Janeiro no domingo. Pretendo assistir aos filmes fora do Oscar. Espero que fique em cartaz por mais tempo. Bjs e bom Carnaval! Fabio http://www.tvfabio.zip.net

Deixe o seu comentário!